quarta-feira, 21 de setembro de 2011

PRINCÍPIOS DIETÉTICOS OU DOGMAS FANÁTICOS NUTRICIONAIS


Muita gente fica preocupada em saber qual dieta é melhor se o divino vegetarinismo impotente se o diabólico carnivorismo prepotente.
Se a teoria nutricional da superabundância cientifica que conta as calorias esquecendo que muitos dos alimentos que dizem ter calorias produzem friorias (frio).
Se a teoria do crudivorismo que valoriza as vitaminas e poem as pessoas desanimadas, sem animo e anénicas.
Se a dieta macrobiótica que pretendem equilibrar, harmonizar o yin e o yang.
Equilibrio é morte. Se o coração fica equilibrado, acontece um colapso cardiaco. Se a proporção de sódio potássio no nosso organismo fica equilibrada morremos. Vida é desiquilibrio reequilibrador espiralicamente.

No nosso mundo relativamente absoluto não existe equilíbrio sem desiquilíbrio, nem saúde sem doença, nem ódio sem amor, nem felicidade sem infelicidade.

Vitalidade é integralidade simultânea desproporcional, entre alimento principal,mental e alimento complementar gastronômico, quem inverte invariavelmente vai encontrar destino involuntário vitimizado, fazendo o máximo esforço e obtendo o minimo resultado.
No principio era o verbo, não era o arroz integral, nem as vitaminas, nem as proteínas, nem o yin e yang.

Verbo todos tem o problema é saber se é integral ou maniquesita, unilateralista, desastroso. Verbo interligado como sangue ou verbo enrolador.

Quem não sabe o principio não adianta fazer esforço, vai dar tudo errado. E o principio da nutrição normal é: minimo de nutrientes, máximo de nutrição. Mas principio e fim existem interligados.
Observando o fim podemos descobrir o principio interligadamente.
Boca e anus são o principio e o fim do nosso sistema fisiológico, por isso quem quer aprender a nutrir-se precisa observar o fim, a saida, as fezes e urina.
Por isso qualquer teoria nutricional que não interligue principio e fim, boca e anus, assimilação e eliminação, é desintegrada e não vai funcionar, quer seja chinesa, macrobiótica, budista, nutricional ou qualquer outra da moda.
Somente quem sabe finalizar pode iniciar.
Mas o maior problema acutal no mundo civilizado é não saber finalizar para iniciar, por isso a maioria tem obstipação cronica, prisão de ventre pois come alimentos desintegrados, desvitalizados.
Quem sabe comer respeitando a ordem proporcional entre alimentos principais, indispensáveis e alimentos complementares dispensáveis, pode comer tudo.
Quem não sabe comer até comida natural vai prejudicar a ordem fisiologica.

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

PROVA EVIDENTE DO ERRO DA TEORIA DO YIN E YANG


O SOL SEGUNDO A TEORIA DO YIN E YANG, É YANG

Então como é que o sol sendo yang pode produzir: raios ultravioletas(yin) e raios infravermelhos (yang)ao mesmo tempo?

O homem é yang, por isso produz espermatozoides que são yin - G. Ohsawa.
O que "confirma" aparentemente a teoria do principio único de Ohsawa, que yang produz yin.

Seguindo o mesmo raciocínio analogicamente, o sol só poderia produzir raios ultravioletas(yin) e não raios infravermelhos(yang), uma vez que o homem não pode produzir óvulos(yang), mas somente as mulheres, que são yin.

Será que o homem também têm dois tipos de espermatozoides, uns yin e outros yang?
Na realidade o homem não produz apenas espermatozoides(Yin), também simultaneamente produz espermatozoides yang, a palavra. Por isso quem não sabe dialogar é um semi-espermatozoide, ainda que tenha superpotência genital. Fecundação mental é principal, fecundação genital é complementar.

PORQUE O MUNDO ESTÁ A CADA DIA MAS ODIOSO? SERÁ POR FALTA DE AMOR?


A palavra amor é hoje em dia uma das palavras mais usadas no mundo inteiro. Existem até terapias baseadas no amor formal hipotético, no amor desenfreado, livre, colorido. A maioria está ficando escravo do amor ilusório, sem função, como cheque careca.

Toda a gente quer ser amado e detesta ser odiado. Então o paradoxo é porque o mundo está a cada dia mais odioso?

A resposta é simples: as pessoas odeiam o ódio. Amor e ódio são duas manifestações indivisíveis, simultâneas e proporcionais do sentimento humano, quem quer excluir o ódio acaba sem querer, ou por querer por excluir o amor também e ficar sem sentimento humano.

O problema não é odiar, o problema é odiar sem amor. Assim com deus e diabo amor e ódio são o braço esquerdo e direito do ser humano, quem quer excluir o lado esquerdo fica direitista. É por isso que o direito virou a maior injustiça. Justiça não é nem direita nem esquerda é ter a capacidade de nos ajustarmos á realidade.

VISÃO TRDIMENSIONAL VITAL E VISÃO PIRATA


O que permite ao ser humano ter uma visão em três dimensões (ou esterioscópica) depende muito do fato de possuirmos dois olhos. Você pode verificar que, ao fechar um de seus olhos, perderá grande parte da noção das distâncias entre os objetos.
Isso ocorre porque os dois olhos captam a imagem do mesmo objeto de posições diferentes, devido à distância entre os olhos. Essas duas imagens são superpostas no cérebro, o que dá a sensação de 3D.

No entanto a maioria das pessoas fruto da educação moderna que torna todo o ser humano normal em pirata, usa o olho direito para enxergar o lado positivo da vida e fecha o outro esquerdo que sempre teima em mostrar a realidade negativa, problemática. Mas vida é integralidade entre saúde e doença, ódio e amor, felicidade e infelicidade. Quem aceita o olho esquerdo e utiliza a parte negativa conseqüentemente descobre que problema, paradoxalmente é solução.

DESIGUALDADE MAGNÉTICA MILAGROSA


Hoje em dia todos querem ser iguais. Homens e mulheres, professores e alunos, , pais e filhos, lider e liderado, trabalhador e preguiçoso,etc. Isso surgiu com a revolução francesa, liberdade, igualdade e fraternidade.

Porque é que Jesus atrai tanta gente, será porque é igual a todos ou é diferente de toda a gente? Porque Buda atraiu tanta gente, será que era igual ou diferente de todos?

Exatamente Buda e Jesus cristo são o exemplo representativo dos dois maiores lideres das duas maiores religiões do mundo. Atração é diferenciação. Pardoxalmente a igualdade desatrai,e desigualdade é que atrai, magnetiza.

E o maior segredo da atracção é o uso de palavras desiguais, paradoxais. Quem usa apenas sinónimos, com sentindo semelhante vai perder a capacidade magnética, de atrair a si mesmo e aos outros.
Porque existem tantos confrontos entre homem e mulher, pais e filhos, etc?
Exactamente, porque a maioria não sabe dialogar, não sabe ser desigual.
Por isso é preciso aprender a ser desigual, quando um fica odioso o outro precisa ficar mais amoroso, espiralicamente, reversivelmente, paradoxalmente, desigualmente.
Mas a maioria age por reflexo igual, quando o marido, amigo, filho, patrão é inimigo a pessoa é inimiga, quando o marido, amigo, filho, patrão é amigo a pessoa é amiga, isso é idiotização, estupidificação e não vai funcionar. Pois os desiguais tendem a atrair-se e os iguais a repelir-se.

EQUILIBRIO FATAL E DESIQUILÍBRIO SALVADOR


A maioria das pessoas procura equilíbrio, harmonia, paz, felicidade, tranquilidade, facilidade, igualdade, justiça, ordem, segurança,etc.
Mesmo quem estuda yin e yang mostra um entendimento muito superficial e imagina que doença, intranquilidade, ódio, problemas é desiquilíbrio, e saúde, harmonia, felicidade é equilíbrio. Mas isso é loucura,esquizofrenia.
A realidade é o oposto, equilibro é que é perigoso, e desiquilíbrio é menos perigoso.
O que aconteceria se por um motivo qualquer o batimento cardíaco se equilibrasse? Morreríamos.
O que aconteceria se a proporção de sódio potássio ficasse equilibrada no sangue?
Morreríamos.
O que aconteceria se o clima ficasse sempre equilibrado,igual?
Todas as especies vivas morreriam.
Por isso quem procura equilíbrio estático e não sente desarmonia, infelicidade, intranquilidade, problemas, dúvidas, incertezas, já está meio morto ou é alguem iluminado, um ser transcendental.
Equilíbrio é parado, morto, desiquilíbrio é vida, movimento. Todos os fenomenos vitais são desequilibrados reequilibradamente, espiralicamente. Por isso quem procura o equilibrio já está num processo patologico, mortal, quem aceita os desiquilibrios e aprende a reequilibrar é candidato á vida. Vida é sequência de desiquilíbrios reequilibráveis, desarmoniosamente harmoniosa.

INUTILIDADE DE SAÚDE SEM DOENÇA, AMOR SEM ÓDIO, DEUS SEM DIABO




Até um simples tesoura para funcionar precisa de ter duas partes antagónicas interligadas.
Será que uma tesoura tem alguma utilidade só com um lado, sem o seu lado antagónico, inimigo, adversário, complementar?
Se por um lado a tesoura pode servir para construir, fazer bonitas e elagantes peças de roupa por exemplo, ela também pode servir para destruir e cortar um vestido de noiva que está prestes a ir para o altar.
Assim é na vida, tudo o que tem utilidade tem dois lados, interligados, cabe ao utilizador usar a tesoura para construir ou destruir, a doença como propulsor da vitalidade ou da fatalidade, o ódio como combustível do amor ou o reverso, usar a mascara do Diabo ou usar a mascara do Deus.
Mas não devemos esquecer que Deus e diabo são indivisíveis, não é á toa que a raiz etimológica é a mesma, quase sempre por detrás da mascara do diabo se encontra Deus e por detrás de Deus se encontra o diabo.
Resta pois a cada um saber que papel representar no drama da vida.
Mas não esquecer que não devemos ser tão bons como Deus nem tão maus como o diabo. Pois a realidade nunca é tão boa como parece, nem tão má que não se possa tirar nenhuma lição.

LIBERDADE Á INFORMAÇÃO INFERNAL UNILATERAL

Hoje em dia toda a a gente tem acesso á informação livremente, democraticamente, virtualmente, inutilmente.
Existem livros, sites, blogues, que ensinam tudo: como ter amor, paz ,felicidade, ser rico, o casamento perfeito, ser a pessoa ideal, viver em harmonia, ter saúde, mas paradoxalmente as pessoas estam cada vez mais infelizes, odiosas, mais pobres, desarmoniosas, doentes, e os problemas não param de aumentar, a tendencia do sistema é para o caos crescente, porquê?
Será por falta de boas intenções dos autores dos livros, dos lideres idealistas, dos governantes bem falantes, dos professores bem formados ?
Grandes expectativas quase sempre geram grandes desilusões. Não adianta sonhar que o acesso á informação unilateral vai resolver os problemas da individualidade, familiaridade e da humanidade pois problema e solução são inseparáveis.
Quase toda a informação hoje em dia teima em mostrar apenas um lado da realidade, desintegrada, dividida, fragmentada, mostrando o lado diabólico separado do lado divino, o lado chique separado do chiqueiro, a riqueza da miséria afectiva, a beleza da desintegração sanguínea, a inteligência da impotência fisica, mas a realidade feliz e infelizmente não é nem boa nem má. Realidade é integralidade. Mas a maioria vive uma vida irreal. Por isso quanto mais informação dividida, irreal, muito maior a confusão entre realidade e ficção, entre amigo e inimigo, entre facilidade e dificuldade, entre util e inutil.

A CERTEZA DA INCERTEZA ECONOMICA

No meio da incerteza generalizada, quem promete mais certezas é quem é mais respeitado, valorizado, endeusado, mistificado.
Porém a historia humana sempre teima em mostrar que a busca da certeza quase sempre leva à maior incerteza.
A ciência na busca da certeza descobriu o principio da incerteza e a teoria do caos. A religião na busca de um Deus, perfeito descobriu a incerteza, a imperfeição do homem diabólico.
Também o sistema economicista na busca de soluções monetárias para as crises econômicas vai descobrir que o dinheiro não é a solução dos problemas mas a causa principal dos problemas econômicos.
Assim como a maioria das pessoas hoje em dia morre de remédios e não de doenças, a maioria hoje em dia está a ficar pobre, miserável pela supervalorização do dinheiro que a cada dia escasseia mais.

Os sistemas sociais estão todos anêmicos monetariamente, alguns mesmo já em estado bem avançado de leucemia monetária.
Dinheiro é como remédio, esconde o problema, mas não soluciona problema algum, na maioria das vezes complica agrava a pobreza, como o remédio.
É por isso que a iatrogenia(doenças causadas por tratamentos médicos, é uma das principais causa de morte nos paises mais avançados.)
Quem quiser se des-envolver(menos envolvido), precisa ficar a cada dia mais independente de dinheiro. Para isso precisa aprender a consumir coisas mais necessárias que desejosas, a ser mais independente do sistema que dependente e a valorizar as nossas quatro liberdades e direitos fundamentais, gratuitos, independentes: pensamento, respiração, movimentação e nutrição.

HOMESOTASE DE AMOR EM ÓDIO E ÓDIO EM AMOR

Nós temos glóbulos vermelhos e glóbulos brancos. Os Glóbulos brancos têm a função principal de formar células e tecidos de todo o nosso organismo, já os glóbulos vermelhos a sua função principal é transformar-se em glóbulos brancos.
Mas feliz e infelizmente a medicina não entende nada disso. Imagina que globulos brancos é uma coisa e glóbulos vermelhos outra diferente, quando ambos tem a mesma origem, e a origem é intestinal.

Os glóbulos vermelhos são mais activos, odiosos, mas sem esses glóbulos vermelhos nunca seria possível sequer ter coração, que é formado por glóbulos brancos metamorfoseados. Assim também acontece com o ódio, o ódio na realidade nada mais é que glóbulos vermelhos a transformarem- se em glóbulo brancos, mais amorosos e estes em tecidos no nosso corpo.

Mas quando estamos doentes o processo inverso se realiza, ou seja, acontece um fenômeno em que os tecidos do corpo se transmutam em glóbulos brancos e depois vermelhos, para podermos continuar vivos. Esse processo realiza-se por meio da homeostase.
Assim também acontece com o amor que se transforma em ódio para manter a nossa vitalidade sentimental. Sentimento é amor e ódio interactivos, ternáriamente.
Quem exclui o ódio exclui também os glóbulos vermelhos e como tal a tendencia é a de anemia, quem exclui o amor, exclui também os glóbulos brancos e a tendencia é a hipertenso. Por isso as mortes provocadas por problemas cardiacos são a causa nº1 de morte do mundo actual.
Pois a maioria não sabe amar homeostaticamente, ternariamente, dinamicamente